O blog entrevista Deia Quintino

Entrevistamos a super talentosa fotógrafa Deia Quintino. Convidamos vocês para curtir não só a entrevista, como também ver algumas fotos de trabalhos desta famosa profissional. Vamos lá?

Deia Quintino é muito conhecida pela fotografia feminina, pelos ensaios para gestantes, fotografia infantil, familiar, adolescente. Seu talento se expande para as artes e ensaios como “O tempo da alma” e “A dor dança” são provas concretas de sua sensibilidade. Imagens para decoração também são seus pontos fortes.

Oi Deia, nos conte um pouco sobre o seu trabalho, começo e inspiração para seguir esta carreira?

Sempre tive inclinações para atividades artísticas. Desenhos e poesia acompanham-me desde os 13 anos. Na faculdade de Publicidade e Propaganda uma das disciplinas era fotografia, despertando-me também para esta arte. Minhas primeiras imagens foram em câmeras analógicas e, com ao advento do digital, lancei-me no experimento do autorretrato e depois de outras pessoas, registrando sentimentos através do meu olhar. Realizo aprendizados nestas vivências, isto é valoroso.  O que mais me inspira é saber que deixarei uma contribuição especial, pois os momentos serão revisitados. Relembrar é algo único.

Você é especializada em quais tipos de fotografia?

Essencialmente pessoas. Gosto das etapas de vida e momentos de descobertas. Do feminino e da forma como as mulheres lidam com sua estima. Vale lembrar que não abarco apenas a sensualidade, caminho pelas relações familiares, maternidade, celebrações, etc.

Com quais tipos de ensaios você trabalha?

Femininos, sejam sensuais ou casuais! Rs! Famílias ao estilo life style ou documental, gestação e etapas do bebê. Algumas famílias acompanho por anos, o que é um prazer pois participo das diversas fases. Também clico crianças, adolescentes, especialmente 15 anos, e editoriais.

Como os ensaios fotográficos acontecem? Você tem parcerias com profissionais de produção, cabelo, make?

Cada ensaio tem particularidades. Faço questão de um encontro prévio para entender qual desejo conduzirá os registros. Este contato possibilita confiança e empatia, importantes nesta relação, uma vez que lido com sentimentos e intimidade. Desta forma, o dia do ensaio se torna mais leve e natural. Nestes encontros também arrematamos detalhes de locação, vestimentas, etc. Atuo com maquiadoras parceiras que atendem com valor diferenciado e em domicílio. Porém, deixo a cliente à vontade na escolha de profissionais cuja relação ela já possui.


Como é sua rotina? Você tem algum hobbie? Outros trabalhos além da profissão de fotógrafa?

Minha rotina é dinâmica, como a maioria das mulheres. Sou dona de casa, mãe e profissional liberal. Sempre atuei como publicitária e agora a fotografia é o centro das atenções. Busco motivações como palestras, cursos, etc. Juntamente com um sócio, irei explorar o segmento da minha fotografia vinculada à decoração. Vamos aproveitar o banco de imagens que coletamos ao longo do caminho, das viagens, etc.

Como hobbie, fazer uma ginástica tem sido lucro, rs! O tempo livre destino a estar com meus amores, estudar filosofia, ler livros de poesia, escutar jazz, escrever.

Atualmente, qual é o perfil dos seus clientes? Para qual tipo de ensaio há mais procura?

Perfil eclético! No segmento feminino a maioria tem idade acima dos 35 anos. Algumas mulheres, abaixo desta faixa etária, solicitam books para presentearem na lua de mel. Família tenho muita procura, especialmente de mães que fizeram a gestação e desejam prosseguir nos registros da nova formatação. Apesar de minha referência ser o bordouir, o percentual de trabalhos com gestantes, famílias, adolescentes e crianças é bem equilibrado. Muitos chegam por indicação e isto consolida a confiança.

Dentro do seu trabalho, você tem algumas imagens preferidas?

Cada imagem tem uma referência significativa de acordo com momentos de vida, tempo e lembranças. Minha primeira fotografia, com a primeira câmera digital, foi da minha filha pequetita – muito especial! Gosto das fotos de pessoas cuja relação de afeto é intensa, como pais, amigos, amor… Tenho um ensaio que fiz com o marido de uma senhora que contribuiu na minha vida durante anos e por quem tenho muita gratidão – chama-se “O TEMPO DA ALMA”.

Da relação com meus clientes, há muita coisa que gosto pelas singularidades destes encontros ou algo que aconteceu no dia. Está vendo, (risos) tudo depende!

Nos conte sobre mais projetos que marcaram sua carreira. Poderíamos mostrar alguns deles para nossos leitores?

Um dos projetos que mais gosto foi este que citei – O TEMPO DA ALMA. A criança de hoje é o idoso de amanhã, mas a alma não tem tempo, sempre novo reciclo. Este ensaio participou do circuito de fotografia do Festival de Tiradentes.

Utilizo também da expressão fotográfica para catarses pessoais. Quando perdi entes amados senti uma dor profunda, então realizei um ensaio que se chama A DOR DANÇA. Registrar este sentimento foi entender como ele acontecia, a fotografia foi a ferramenta de manifesto.

Para que o público do blog possa falar com você, poderia nos informar seus contatos?

Antes de finalizar quero agradecer pelo seu convite e pela atenção dos que investiram tempo e chegaram até esta última pergunta.

Os leitores deste blog que se interessarem poderão conhecer mais do meu trabalho seguindo um dos meus perfis no instagram  @deiaquintino ou @deiaquintinofamília ou pelo meu site deiaquintino.com.br. Se preferirem, mandem um email para deiaquintinophotography@gmail.com . Será um prazer!

§

Para comemorar essa entrevista incrível, está rolando para as leitoras do nosso blog um desconto especial nos books da Deia Quintino! É ou não é demais?!!! As instruções estão no Instagram @taniapinheiro_decor Basta você começar a seguir um dos perfis da Deia e se identificar com a tag #LEITORASDATANIA

Só tem tempo bom por aqui! Esperamos que vocês tenham gostado de ler tanto quanto nós amamos entrevistar esta fotógrafa incrível!

E continuem nos acompanhando, prometemos mais surpresas…

Sugestões para entrevistas são muito bem vindas, basta nos mandar um e-mail através do blog@taniapinheiro.com.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *